domingo, 19 de outubro de 2014

Presos se vestem de agentes penitenciários e tentam fugir da PII de Venceslau

Detentos da P2 de Presidente Venceslau estavam com uniformes falsos do Grupo de Intervenção Rápida (GIR)

Detentos da P2 de Venceslau se passaram por agentes do
Grupo de Intervenção Rápida (GIR) (Foto: Arquivo)
Com uniformes falsos, dois detentos da Penitenciária 2 de Presidente Venceslau se passaram por agentes do Grupo de Intervenção Rápida (GIR) da Secretaria da Administração Penitenciária do Estado de São Paulo (SAP-SP) e tentaram fugir da unidade prisional na manhã deste domingo (19). Um dos detentos foi reconhecido por um agente.

Segundo a Polícia Civil, a tentativa de fuga ocorreu por volta das 11h40 deste domingo (19), quando dois presos vestidos com roupas pretas, provavelmente tingidas ou confeccionadas na própria penitenciária, tentaram enganar a vigilância e sair da unidade como agentes do GIR.

De acordo com a Polícia Civil, além das roupas pretas, os presos também confeccionaram objetos que simulam coletes, tocas, e ainda um brasão do Estado de São Paulo.

Os presos conseguiram sair do raio, por motivos a serem investigados, e ameaçaram dois agentes penitenciários com dois artefatos extremamente afiados, conforme consta no Boletim de Ocorrência, feitos de ferro de construção e tecido.

Segundo a Polícia Civil, ao chegarem até a portaria, um dos detentos foi reconhecido por um agente penitenciário que estava entrando na unidade, momento em que os dois presos foram rendidos e a tentativa de fuga foi frustrada.

O caso foi registrado no plantão da Polícia Civil de Presidente Venceslau. iFronteira

Venceslau vence por 17 pontos de diferença e está na final do Paulista

Com bom desempenho na defesa, venceslauenses derrotam Rio Claro por 68 a 51 em jogo único da semifinal e disputam título dentro de casa

A revanche veio na hora certa. Em partida única da semifinal, a equipe de basquete feminino de Presidente Venceslau derrotou Rio Claro por 68 a 51, na noite deste sábado (18), e se garantiu na decisão do Campeonato Paulista da Divisão Especial A-1. Com uma boa apresentação, as venceslauenses devolveram a derrota sofrida para o mesmo adversário, no último circuito da primeira fase. A partida foi disputada no Ginásio Municipal Pedro Dell Antonia, em Santo André.

Flávio Prado orienta atletas em jogo válido pela semifinal do Paulista,
contra Rio Claro (Foto: Kadu Mello / Cedida)
Três atletas de Venceslau foram as cestinhas da partida. Silvia Cristina, Mariana Camargo e Natália Burian fizeram 16 pontos cada uma. Do lado de Rio Claro, Luana foi a mais efetiva, com 15 pontos.

- A atitude foi completamente outra (do último confronto). Nossa defesa foi muito boa e o ataque funcionou dentro do programado. Tem que ser ressaltado o comprometimento das meninas. Precisamos dar continuidade nisso para colhermos outros bons resultados. Essa é uma vitória de todos que estão envolvidos no projeto. É uma vitória da cidade de Venceslau - comenta o técnico Flávio Prado.

Com a vitória, Venceslau faz a final contra Americana, que derrotou Santo André na outra semifinal. A decisão também será em partida única, inicialmente programada para o próximo dia 8, na cidade venceslauense. Porém, Flávio Prado comenta que tentará antecipar o jogo para o dia 7. Antes da disputa do título, será realizada a decisão do terceiro lugar, também no Oeste Paulista.

Sebrae realiza palestra de capacitação em Presidente Epitácio

No dia 23, Presidente Epitácio vai receber a palestra gratuita “Melhore a relação com seu cliente”. A apresentação abordará a importância do relacionamento para o sucesso do negócio. 

Os empresários também vão receber informações para interpretação da visão do cliente e sugestões de estratégias para construir e manter um melhor resultado.

Em Presidente Epitácio a palestra acontece no Posto de Atendimento ao Empreendedor (PAE), localizado na Rua Paraná, 2-62. Inscrições pelo (18) 3281-1710.

Mega-Sena acumula, e prêmio pode chegar a R$ 50 milhões

Ninguém acertou as seis dezenas sorteadas no concurso 1.645 da Mega-Sena realizado neste sábado (18), em Natividade da Serra (SP). No próximo sorteio, que vai acontecer na quarta-feira (22) a previsão é que o prêmio chegue a R$ 50 milhões.

Veja as dezenas: 08 - 18 - 21 - 31 - 37 - 38.

A quina teve 137 acertadores e cada um vai levar R$ 29.198,03. Já a quadra pagará R$ 680,29 para cada um de seus 8.400 ganhadores.

Para apostar
A Caixa Econômica Federal faz os sorteios da Mega-Sena duas vezes por semana, às quartas-feiras e aos sábados. As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país. A aposta mínima custa R$ 2,50. G1

Venceslauense sai para comprar gado, é morto a tiros e enterrado em chácara

O fazendeiro venceslauense Max Ramos,
que foi assassinado em Camapuã (MS)
O venceslauense e produtor rural Maximiliano Ramos (Max), 45 anos, foi morto com tiros na cabeça e enterrado na chácara Bela Vista, dentro do perímetro urbano de Camapuã (MS). O corpo foi encontrado por volta das 17h30 deste sábado (18), e a suspeita é que o amigo Thiago Arruda Bais teria matado e enterrado o corpo do amigo.

Segundo a Polícia Civil, Ramos e Arruda estavam desaparecidos desde quinta-feira (16) quando foram até a cidade de Bandeirantes para comprar gado. O último contato feito por Arruda foi no mesmo dia do desaparecimento quando ligou para a esposa do amigo pedindo que ela fosse até um posto de combustível chamado Angico, em Camapuã, para ajudar a assinar alguns papeis.

A esposa da vítima estava junto com a mulher de Arruda quando o suspeito ligou. Elas então resolveram ir juntas, mas Arruda desconversou e disse que não precisava mais a presença delas. Depois desse contato, eles foram dados como desaparecidos.

Diante disso, pelo menos 15 amigos de Ramos começaram a procurá-lo. Eles então resolveram ir até uma chácara, viram o chão remexido e quando começaram cavar encontraram o corpo de Ramos.

A Polícia está no aguardo do circuito interno de vídeo do posto de gasolina para terminar as investigações.

O crime causou grande comoção na cidade, já que o pecuarista era bastante conhecido e o desaparecimento vinha mobilizando a população desde quinta-feira à tarde.

Max é filho do Dr.João Ramos (falecido) e da Dra. Aparecida. Por alguns anos foi empresário na Avenida Jorge Tibiriça com uma loja de materiais de construção.

A polícia tem um suspeito e está a sua procura. A Organização Presidente informou esta manhã que até o momento não foi procurada pela família, porisso não se sabe se o corpo de "Max" como era conhecido por todos será sepultado em Presidente Venceslau. (Campo Grande News/Blog Toninho Moré)

COPA INTERMUNICIPAL JOVEM SOM FM/SERT

ELDORADO KAÓ ESTRÉIA COM VITÓRIA

Na segunda partida deste sábado na Copa Intermunicipal Jovem Som FM/Sert no Estádio José Francisco Abegão, a equipe de Presidente Venceslau, Eldorado Káo, venceu DEC Montreal Dracena por 3 a 1. Os gols do time venceslauense foram marcados por Kaíque(foto) a direita, Barriguinha e Neguinho de pênalti. O jogo foi considerado de boa qualidade técnica e a equipe venceslauense mostrou conjunto de jogo envolvente, levando a vitória (fotos de Maurício Barbosa)

WO de Flórida Paulista
O nosso blog recebeu a informação de que a equipe de Flórida Paulista nõ compareceu no primeiro jogo e perde os pontos por WO para o Bandeirante de Dracena, por causa da quebra do ônibus que trazia a delegação. A carro ficou parado em ponto que não havia sinal de telefonia celular, e não foi possível manter contato com a direção da competição para informar a situação. (Fonte:Blog do Toninho Moré)

sábado, 18 de outubro de 2014

Cem milhões podem ficar sem serviço de celular no país

Cerca de cem milhões de clientes de celular do país que só usam o serviço 2G correm o risco de ficar sem atendimento caso a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) não se entenda com a TIM e a Oi.

O total de consumidores representa um terço dos usuários de celular.

A situação coloca ainda em risco as negociações entre as duas empresas, que estariam seguindo rumo a uma fusão.

As duas teles prestam o serviço 2G, que veio antes do 3G, pela faixa de frequência de 1,9 GHz.

Frequência é onde as teles fazem passar os seus sinais.

Para usá-las, é preciso uma licença da Anatel, que possui validade. Folha de S. Paulo

Veja quanto será a segunda parcela do 13º do INSS

Os aposentados, os pensionistas e os segurados que recebem um auxílio do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) terão na conta, a partir do dia 24 de novembro, a segunda parcela do 13º.

Essa parte do abono de Natal é um pouco menor do que a primeira, pois tem o desconto do Imposto de Renda.

No pagamento feito de agosto a setembro, o INSS depositou exatamente a metade do valor dos benefícios dos segurados. Veja na edição impressa quanto deverá ser a segunda parte do abono para benefícios que vão do salário mínimo ao teto do INSS, hoje em R$ 4.390,24.

O segurado pode ter uma ideia de quanto vai receber, de acordo com o valor mais próximo de seu benefício previdenciário.

O desconto do Imposto de Renda será feito para benefícios a partir de R$ 1.787,78. Valores menores que isso são isentos.

Os aposentados e pensionistas que têm 65 anos ou mais têm mais chances de escapar do desconto do imposto.

Eles têm direito de pagar menos imposto sobre o benefício e, por isso, neste ano, só quem ganha a partir de R$ 3.575,54 terá o desconto no abono. O auxílio não tem IR. Agora

Livro conta drama de Josi Campos que foi musa e hoje está internada em clínica

Drama vivido por musa dos anos 80, internada há uma década com esquizofrenia, vira livro

A ex-modelo Josi Campos com 35 quilos, em 2004, e hoje,
aos 51 anos 
Foto: Guilherme Pinto/ Extra/ Arquivo Pessoal
Já está pronto o livro que vai contar toda a dramática trajetória da ex-modelo Josi Campos. Há dez anos, depois de ser diagnosticada com esquizofrenia, ela está internada numa clínica psiquiátrica, em Porto Alegre. A ex-capa da “Playboy” e uma das musas dos anos 80 foi encontrada pelo EXTRA vivendo em condições sub-humanas em seu apartamento no Rio, sem luz, pesando menos de 50 quilos. Josi foi “resgatada”, após a reportagem, pela psicóloga Vera Ceroni, autora do livro “Da fama à fome”, que será lançado em novembro.
Josi Campos viveu seu auge na década de 80, depois de ter sido eleita Garota de Ipanema, em 1987, concurso que fazia muito sucesso na época. Foi nesse período que ela namorou gente famosa como Chico Anysio, o cineasta Ruy Guera, ex-marido de Leila Diniz, e até o roqueiro Billy Idol.
Vera Ceroni, a autora do livro, é atualmente casada com o primeiro namorado da modelo. É ela quem cuida de Josi Campos desde que ela foi internada. Com a família, a ex-musa pouco tem contato. Extra Online

DATAmax: Aécio amplia vantagem sobre Dilma e abre 23 pontos percentuais em MS

Vencedor no primeiro turno em Mato Grosso do Sul, o candidato Aécio Neves (PSDB) ampliou a vantagem sobre a adversária, Dilma Rousseff (PT), neste segundo turno da corrida à Presidência.

Levantamento feito pelo DATAmax coloca Aécio 23 pontos percentuais à frente de Dilma, com 61,55% das intenções de voto, diante de 38,45% da petista. Neste caso, considerando-se apenas os votos válidos.

No resultado geral, Aécio lidera em Mato Grosso do Sul com 55,08%, enquanto Dilma soma 34,42%. Outros 5% dos entrevistados disseram que anularão ou votarão em branco, e mais 5,5% não souberam responder.

No primeiro turno, a diferença entre ambos nas urnas sul-mato-grossenses foi de 3,8 pontos percentuais, ou 51,3 mil votos. Aécio foi votado 558.331 vezes e Dilma foi escolhida por 506.951 eleitores.

Para este levantamento, o DATAmax ouviu 1,2 mil pessoas em 38 municípios, entre os dias 12 e 16 de outubro. O nível de confiança estimado é de 95% e a margem de erro é de 2,8 pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa está registrada na Justiça Eleitoral sob os números MS-00066/2014 e BR-01114/2014. (Fonte: Midiamaxnews)

Grêmio não sai do zero com Goiás e permanece fora do G-4

Chato. Frio. Sem emoções. Qualquer um destes adjetivos consegue definir perfeitamente o jogo que Goiás e Grêmio fizeram neste sábado, no Serra Dourada. Com forte marcação no meio de campo e pouca qualidade no ataque, as duas equipes protagonizaram partida fraca em Goiânia e empataram por 0 a 0, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. O momento mais importante do confronto foi protagonizado por Marcelo Grohe, que passou mal no segundo tempo devido ao forte calor e teve que ser substituído. O resultado faz com que o Grêmio siga fora do G-4 – agora com 47 pontos (mesmo número do Atlético-MG) na 5ª posição – e mantém o Goiás no 9º posto, com 38 tentos.

O jogo disputado no Serra Dourada não teve grandes emoções – principalmente na etapa inicial. A primeira chance de gol surgiu só aos 33min, com cabeçada de Ramón que foi bem defendida por Marcelo Grohe. O goleiro gremista ainda voltou a trabalhar cinco minutos mais tarde: Ramiro errou passe na saída de bola, e Samuel surgiu de frente para o gol, obrigando o arqueiro a fazer grande intervenção. Antes do intervalo, Lucas Coelho arriscou de fora da área, e Renan defendeu a única jogada incisiva do Grêmio nos 45 minutos iniciais.

O segundo tempo teve (pelo menos) um início animador. O Goiás passou a imprimir mais velocidade em seus ataques e chegou com perigo aos 7min. Esquerdinha avançou com espaço, chutou cruzado de dentro da área, mas Pará afastou antes que a bola encontrasse algum jogador esmeraldino. Aos 20min, Samuel tabelou com Esquerdinha pela esquerda e obrigou Marcelo Grohe faz defesa boa defesa. Depois, Thiago Mendes chutou de fora da área, e a bola passou rente à trave esquerda do Grêmio.

O time tricolor ainda respondeu com chegadas perigosas de Lucas Coelho e Matheus Biteco, mas não conseguiu balançar as redes. Nos minutos derradeiros, ainda viu seu melhor jogador em campo, Marcelo Grohe, ser substituído por ter sentido mal-estar devido ao calor. Foi o final deprimente para uma partida sem emoções. As duas equipes voltam a campo na próxima quarta-feira. Às 21h (de Brasília), o Grêmio recebe o Figueirense na Arena, em Porto Alegre, enquanto que às 22h30 o Goiás visita o Sport na Ilha do Retiro. TERRA

Depois de primeiro tempo fraco, Fluminense vira sobre Criciúma

Após um primeiro tempo fraco tecnicamente, Fluminense e Criciúma melhoraram na etapa final e finalizaram uma partida bem disputada com seis gols ao todo. Neste sábado, no Maracanã, os catarinenses saíram na frente, mas não conseguiram segurar os cariocas, que viraram e venceram por 4 a 2, em jogo válido pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. Wagner, duas vezes, Conca e Fred marcaram para os donos da casa. Ronaldo Alves e Lucca descontaram para os visitantes.

Com a vitória, o Fluminense chega aos 45 pontos e continua na sétima posição, dois pontos atrás do Atlético-MG, quarto colocado, mas que ainda entra em campo às 21h deste sábado. Já o Criciúma segue com a corda no pescoço. Em 18º, a equipe catarinense tem apenas 30 pontos e continua na luta contra a zona de rebaixamento.

Fluminense e Criciúma fizeram um primeiro tempo fraco tecnicamente, sem muitas oportunidades de gol. A primeira chance real foi acontecer apenas aos 32min. Lucca cobrou escanteio da esquerda, Rodrigo Souza marcou ganhou da zaga e balançou as redes. O árbitro, porém, anulou o lance, alegando falta de ataque do time catarinense. Lance polêmino no Maracanã.

Quando a etapa inicial parecia se encaminhar para um empate sem gols, duas jogadas aéreas mudaram o jogo. Já no final, aos 44min, após cobrança de falta para área, Ronaldo Alves subiu sozinho e abriu o placar para o Criciúma. Dois minutos depois foi a vez do Fluminense. Aos 46min, Walter cruzou da direita, o goleiro Bruno falhou e Wagner apareceu na segunda trave para igualar o marcador.

Insatisfeito com o futebol apresentado no primeiro tempo, o Fluminense voltou disposto a virar o jogo e conquistar os três pontos em casa. E conseguiu. Logo aos 5min, após bela jogada trabalhada no ataque, os cariocas viraram. Guilherme Mattis subiu pela esquerda, cruzou para Walter, que ajeitou de cabeça para o meio. Com um só toque, Fred deixou Wagner sozinho para bater firmer e marcar seu segundo no jogo.

Em um ritmo de jogo totalmente diferente, e melhor, do apresentado na etapa inicial, o Fluminense precisou de mais seis minutos para aumentar. Aos 11min, Walter arriscou de primeira da entrada da área. No rebote de Bruno, Conca divide de carrinho e faz o terceiro.

O Criciúma, no entanto, não desistiu e ainda conseguiu marcar o segundo. Aos 23min, João Vitor lançou por trás da zaga e Lucca, com belo domínio, cortou para o meio e finalizou no alto de Cavalieri. A reação, porém, acabou aos 40min, quando Rodrigo Souza acabou comentado pênalti e foi expulso. Na cobrança, Fred anotou e fechou o placar no Maracanã.

Na próxima rodada, o Fluminense visita o Santos, quarta-feira (22), às 22h, na Vila Belmiro. Já o Criciúma recebe o Atlético-PR, no mesmo dia, mas às 19h30, no Heriberto Hülse, em Santa Catarina. TERRA

Ceni volta a marcar de falta, e São Paulo bate Bahia em casa

Depois de mais de um ano sem marcar gols de falta, sua especialidade, Rogério Ceni voltou a mostrar sua competência contra o Bahia, neste sábado, no Morumbi, e ajudou o São Paulo a conquistar três pontos importantes para a sequência do Campeonato Brasileiro. Além do tento anotado pelo goleiro, Paulo Henrique Ganso fez mais um e consolidou a vitória por 2 a 1 sobre os baianos. Fahel descontou para os visitantes.

Com o resultado positivo, o São Paulo chega aos 52 pontos e assume, provisoriamente, a vice-liderança. Isso porque o Internacional, que caiu para terceiro, ainda entra campo neste domingo contra o Corinthians. Já o Bahia não consegue se livrar da zona de rebaixamento e continua em 17º lugar, com 30 tentos conquistados.

O destaque da partida ficou por conta de Rogério Ceni, que, depois de mais de um ano, voltou a balançar as redes em uma cobrança de falta. O último gol marcado pelo goleiro são-paulino, sem ser de pênalti, foi no longínquo 14 de julho de 2013, na derrota para o Vitória, por 3 a 2, também pelo Campeonato Brasileiro. Esse foi seu 59º gol de falta, o de número 123 na carreira.

São Paulo e Bahia pouco criaram na etapa inicial e fizeram um primeiro tempo muito truncado no Morumbi. Apesar de ter mais posse de bola, a equipe paulista não conseguiu criar muitas chances de gol e só conseguiu abrir o placar em um lance de bola parada.

Aos 39min, após um polêmico toque de mão de Rafael Miranda na entrada da área, Rogério Ceni cobrou falta com categoria, relembrando os velhos tempos, e acertou o ângulo do gol defendido por Marcelo Lomba.

Atrás no placar, o Bahia até tentou assustar Rogério Ceni, mas teve apenas uma oportunidade, logo aos 5min, quando Marcos Aurélio arriscou da intermediária e deu trabalho para o goleiro são-paulino. Sem fazer uma boa partida, Alan Kardec foi substituído por Luís Fabiano, que perdeu ótima chance na etapa final. Aos 24min, após bela jogada de Álvaro Pereira pela esquerda, o atacante bateu para fora com o gol praticamente vazio.

O Bahia, então, cresceu na partida e, no momento em que atacava mais os donos da casa, sofreu o segundo. Aos 33min, Paulo Henrique Ganso arrancou pela meia-direita, arriscou de fora da área e acertou o canto de Marcelo Lomba.

Na próxima rodada, o São Paulo visita a Chapecoense, quarta-feira (22), às 22h, na Arena Condá, em Santa Catarina. Já o Bahia recebe o Atlético-MG, terça-feira (21), às 21h50, na Fonte Nova, em Salvador. TERRA

Prefeito e irmão acusados de fraudar licitações têm bens bloqueados

Valor da ação é de mais de R$ 192 mil e envolve o prefeito Jorge Luiz Souza Pinto (PSDB), de Nantes, e o microempresário Bolivaldo Souza Pinto

O prefeito de Nantes, Jorge Luiz Souza Pinto (PSDB),
e seu irmão Bolivaldo Souza Pinto são acusados de
enriquecimento ilícito (Foto: Arquivo)
A Justiça bloqueou os bens do prefeito de Nantes, Jorge Luiz Souza Pinto (PSDB), e de seu irmão, o microempresário Bolivaldo Souza Pinto. De acordo com a juíza Luciana Menezes Scorza de Paula Barbosa, do Foro Distrital de Iepê, os dois são acusados de “enriquecimento ilícito” por meio de fraudes em licitações. O valor da ação é de R$ 192.772,62.

A decisão foi proferida nesta quinta-feira (16). Inicialmente, o Ministério Público Estadual (MP) pediu a indisponibilidade dos bens dos irmãos e o afastamento do prefeito de Nantes de seu cargo público.

Porém, a juíza decidiu apenas conceder a indisponibilidade dos bens. Segundo a decisão, a medida foi necessária por se mostrar “revelado ante os documentos acostados, noticiando o envolvimento dos requeridos em esquema de desvio e apropriação de verbas públicas através de fraude em licitações”.

“Nesse contexto, afirma o membro do Ministério Público que o primeiro requerido, na qualidade de prefeito, fraudava procedimentos licitatórios, beneficiando a si próprio, com o apoio do segundo requerido, seu irmão, causando prejuízo ao erário e enriquecimento da terceira requerida, pessoa jurídica pertencente aos dois requeridos”, aponta a juíza.

A pessoa jurídica citada por ela é por conta da “Bolivaldo Souza Pinto-ME”. Conforme a liminar assinada pela juíza, a ação civil pública por ato de improbidade administrativa proposta pelo MPE aponta que o prefeito, “após ter se sagrado vencedor nas eleições municipais de 2008, arquitetou e executou um esquema voltado única e exclusivamente a fraudar procedimentos licitatórios em Nantes, beneficiando a si próprio com apoio de seu irmão”. Apesar de o caso ser de 2008, nas eleições de 2012 o prefeito foi reeleito.

A juíza explica que o pedido de bloqueio de bens é feito, pois “decorre do próprio fato de se pretender evitar a dilapidação de patrimônio, sem que seja necessária a prova concreta de atos de desfazimentos de bens”.

Ainda conforme Luciana, a “indisponibilidade de bens é medida que se impõe diante dos graves atos de improbidade administrativa, dando conta da prática de atos de direcionamento e fraude licitatórios, importando em prejuízo ao erário e desrespeito aos princípios da administração pública”.

Já o afastamento do prefeito foi indeferido por ser uma medida que tem “caráter excepcional, principalmente em se tratando do afastamento de agente público eleito pelo voto popular, devendo ser utilizada somente nas hipóteses onde for constatada, de forma cabal, ação do réu que impeça a apuração dos fatos”. A juíza esclarece que, mesmo com a “farta prova documental”, isto não está “demonstrado nos autos”.

Para ela, somente o bloqueio dos bens “irá assegurar eventual indenização do erário”. Na decisão consta também a intimação da Prefeitura de Nantes, “enquanto pessoa jurídica interessada, para analisar o interesse em compor o pólo ativo”.

Os irmãos têm 15 dias para “oferecerem manifestação por escrito”.

Outro lado

Por telefone, o prefeito Jorge Luiz Souza Pinto afirmou que já tem conhecimento da decisão e que pretende recorrer contra o bloqueio de bens. “O caso já foi encaminhado ao jurídico e estou aguardando para me pronunciar, porém, adianto que isso não procede e vamos recorrer contra a decisão”, ressaltou.

Já Bolivaldo Souza Pinto não foi localizado. iFronteira

Presidente Epitácio inicia inscrições para a contratação de professores

Prazo prossegue até o dia 7 de novembro pela internet, com uma taxa de R$ 25,13. Valores estabelecidos para a hora/aula são de R$ 8,73 e R$ 9,17

A Secretaria Municipal de Educação e Esportes de Presidente Epitácio informa que se encontram abertas, a partir desta sexta-feira (17), as inscrições para o processo seletivo que visa ao preenchimento de vagas e eventuais substituições que surgirem durante o prazo de validade do certame para professores.

Aos números de classes e aulas estabelecidos no edital, poderão ser acrescidas novas classes e aulas que surgirem, para eventual nomeação de classificados que estiverem em reserva de contingente, observada a disponibilidade financeira e orçamentária, e forem autorizadas pela Prefeitura dentro do prazo de validade do processo seletivo.

O regime jurídico dos empregos oferecidos no edital será de acordo com a lei complementar 002/1994 e suas alterações.

A taxa de inscrição custa R$ 25,13 e o prazo prossegue até o dia 7 de novembro no site.

Os valores estabelecidos para a hora/aula são de R$ 8,73 e R$ 9,17, de acordo com o edital. A realização das provas está prevista para o dia 30 de novembro de 2014.

O processo seletivo, que visa à contratação temporária dos profissionais, terá validade de um ano e poderá ser prorrogado por até igual período, a critério da Prefeitura. INTEGRAÇÃO REGIONAL

Prolongamento da Avenida Dom Pedro II recebe pavimentação

Trabalhos na via de Presidente Venceslau foram retomados e a Prefeitura espera que tudo seja finalizado ‘em breve’

Acesso só será liberado depois que obras forem totalmente
concluídas (Foto: Cedida/AI)
Prefeito Duran (centro), Dilson Leite, secretário de Obras
(esquerda) e Marcos, funcionário da Viapav
A Avenida Dom Pedro II, em Presidente Venceslau, está passando por obras. No local está sendo feita a pavimentação do prolongamento da via. Segundo a Prefeitura, o trabalho estava sendo realizado por outra empresa que, por dificuldades financeiras, paralisou os trabalhos.

Entretanto, os trabalhos foram retomados e estão sendo executados pela empresa Viapav, de Venceslau. Ainda conforme o Executivo, o acesso só será liberado depois que obras forem totalmente concluídas.

Além da pavimentação serão colocadas luminárias em toda a extensão do prolongamento. Serão postes com duas luminárias de LED e duas na curva, que ficarão no canteiro central.

A Prefeitura espera que os trabalhos estejam concluídos “brevemente”, porém, não informou uma data. INTEGRAÇÃO REGIONAL

Horário de verão começa domingo em meio a crise no setor elétrico

País enfrenta queda acentuada no nível de reservatórios de hidrelétricas. Horário de verão deve levar a economia de água de 0,4%, diz governo

Em meio ao agravamento da situação nos reservatórios das principais hidrelétricas do país, entra em vigor neste domingo (19) o horário de verão. A expectativa do governo é que a redução no consumo de energia no período contribua com uma queda de 0,4% no uso da água dessas represas.

A 39ª edição do horário de verão terá duração de 126 dias e terminará no dia 22 de fevereiro. À 0h (meia-noite) de sábado para domingo, os moradores de dez estados, além do Distrito Federal, terão que adiantar os relógios em uma hora.

Economia de água

Para especialistas do setor elétrico, a economia de água dos reservatórios das hidrelétricas, apesar de pequena, é importante diante do cenário de crise. Por conta da falta de chuvas, na quinta (16) o nível nos reservatórios do Sudeste e Centro-Oeste, que respondem por 70% da capacidade do país de gerar energia, estava em 22,09%, o pior resultado para essa época desde 2001, quando o país passou por racionamento.

“Essa economia [de 0,4%] não é de se jogar fora diante da atual circunstância”, diz Roberto Brandão, pesquisador do Grupo de Estudos do Setor Elétrico (Gesel), da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

“Os benefícios não são gigantescos, mas ainda são significativos, continua valendo a pena. Qualquer economia de água dos reservatórios é válida”, diz o presidente do Instituto Acende Brasil, Claudio Sales.

De acordo com dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), entre 2010 e 2014 o horário de verão resultou em economia de R$ 835 milhões para os consumidores, devido à eletricidade que deixou de ser gerada pelo uso da luz do sol. Para a edição 2014/2015 do horário de verão, a economia estimada é de R$ 278 milhões, 31% menos do que na edição passada (R$ 405 milhões).

Esses valores, porém, são muito pequenos diante dos gastos do setor elétrico e não chegam ter impacto nas contas de luz. Apenas os empréstimos bancários para fazer frente aos gastos extras no setor elétrico em 2014 vão custar aos consumidores R$ 26,6 bilhões, de acordo com oTribunal de Contas da União (TCU).

Benefícios
Além da economia de energia, o governo defende a manutenção do horário de verão alegando que a medida evita investimentos de cerca de R$ 4 bilhões ao ano, com mais geração e sistemas de transmissão de eletricidade. Segundo o Ministério de Minas e Energia, ele permite um melhor aproveitamento da luz solar e “maior racionalidade no uso da eletricidade.”

Outra vantagem, diz o ministério, é o aumento da segurança do sistema elétrico e maior flexibilidade para a realização de manutenções, além de redução da pressão sobre o meio ambiente e nas tarifas cobradas pelo serviço. O horário de verão foi aplicado no Brasil pela primeira vez no verão de 1931/1932.

Consumo na ponta
Entretanto outro efeito do horário de verão, que é o de evitar picos de consumo de energia no chamado horário de ponta (entre 18h e 21h), “perdeu um pouco da relevância” nos últimos anos, aponta Roberto Brandão, da UFRJ.

Por conta do aumento no uso do ar-condicionado no país, mais recentemente os picos de consumo de eletricidade durante o verão começaram a ser registrados no início ou meio da tarde, entre 14h e 16h. Na quinta (16), por exemplo, ele aconteceu às 14h47, informou Brandão.

No passado, esse pico era registrado entre 18h e 21h, devido ao aumento do consumo gerado pelo uso de eletrodomésticos quando as pessoas saem do trabalho e voltam para as suas casas, junto com a iluminação pública nas cidades. 

“Nos últimos anos, o horário de verão perdeu um pouco da sua relevância porque houve mudança no padrão de horário de ponta no Brasil”, diz o pesquisador. Ele aponta, porém, que continua sendo importante equilibrar a demanda por energia no fim do dia.

Para o professor de engenharia elétrica da Universidade de Brasília (UnB), Rafael Shayani, o horário de verão continua sendo importante para “evitar a sobrecarga” do sistema elétrico durante o verão e até mesmo apagões. “O horário de verão é necessário na medida em que a demanda por energia no Brasil está crescendo e o setor elétrico não consegue acompanhá-la. Ela visa evitar um apagão”, diz ele. G1 Brasília

Polícia Rodoviária prende fugitivo da prisão por uso de documento falso

Homem estava em ônibus na Rodovia Raposo Tavares, em Pres. Epitácio. Indiciado confessou que fugiu do CPP de Campinas após indulto de Natal

A Polícia Rodoviária prendeu um fugitivo da prisão de 38 anos por uso de documento falso, com uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) adulterada, na madrugada deste sábado (18), por volta das 2h50. Ele foi abordado em um ônibus, na Rodovia Raposo Tavares, em Presidente Epitácio.

Ainda segundo a polícia, os policiais entraram no coletivo, com itinerário Nova Andradina(MS)-Campo Grande (MS), e realizaram a vistoria no interior do veículo. Neste momento, a equipe percebeu que o passageiro apresentou nervosismo, o que motivou os questionamentos e o homem apresentou respostas desencontradas.

Na sequência, os policiais pediram para o homem apresentar um documento com foto e a equipe suspeitou a autenticidade da CNH. Em seguida, o homem confessou que comprou a habilitação de uma pessoa desconhecida no Estado da Bahia e que havia pagado R$ 600. Ele relatou ainda que estava de indulto de Natal em 2013 e que não havia retornado ao sistema prisional.

Posteriormente, os policiais consultaram o sistema e foi verificado que o homem era um fugitivo do Centro de Progressão Penitenciária de Campinas. Diante dos fatos, ele foi detido em flagrante e encaminhado para a Cadeia de Presidente Venceslau, onde aguardará para ser transferido para a unidade prisional de onde fugiu. G1

Principais rodovias do Oeste Paulista são classificadas como boas pela CNT

Pavimento e sinalização são 'regulares' em algumas das pistas. Levantamento anual considera pavimento, sinalização e geometria

Raposo Tavares, que corta cidades como
Presidente Prudente, foi avaliada
(Foto: Vinícius Pacheco/G1)
As quatro principais rodovias que cortam o Oeste Paulista foram avaliadas como “boas”, de acordo com um levantamento divulgado pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT) nesta quinta-feira (16). Segundo a pesquisa, que tem como objetivo mapear as condições da malha rodoviária em todo o país, são levadas em consideração a pavimentação, a sinalização e a geometria (que trata de características da via, como acostamentos) dos locais.

A Rodovia Raposo Tavares (SP-270), que se estende por 278 km, parte deles cortando cidades como Presidente Prudente e Presidente Venceslau, teve seu pavimento classificado como “bom” e sua sinalização e geometria consideradas como regulares.

Já a Rodovia Assis Chateaubriand (SP-425), que passa por cidades como Pirapozinho e Martinópolis, foi analisada como “boa” em todos os quesitos. A Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294), que passa por Tupi Paulista, Junqueirópolis e Adamantina, por exemplos, teve pavimento e geometria considerados “regulares” e sinalização considerada “boa”.

A Rodovia Euclides Figueiredo (SP-563), que corta cidades como Dracena e Monte Castelo, teve pavimento “bom”, mas sinalização e geometria ruins.

Foram considerados trechos de rodovias estaduais relevantes de acordo com o volume de tráfego de veículos, obtido de órgãos oficiais, a importância socioeconômica e estratégica para o desenvolvimento regional e a contribuição para a integração com outros modos de transporte (ferroviário, aquaviário e aeroviário), segundo a CNT.

Os dados são coletados a partir do deslocamento do pesquisador ao longo de cada trecho da rodovia, em um veículo que trafegava com velocidade máxima de 50 km/h, desde que seja respeitada a velocidade mínima da via (igual à metade da velocidade máxima).

Cada rodovia é avaliada conforme a observação visual das características em segmentos com extensão equivalente a uma unidade de pesquisa. Segundo a CNT, se ao longo do segmento avaliado for observado um ponto crítico, o avaliador fotografa o local e anota as suas características e localização.

A Rodovia Raposo Tavares, administrada pela Concessionária Auto Raposo Tavares (Cart), que está em obras foi classificada como como regular nos quesitos sinalização e geometria. Já no trecho entre Ourinhos e Presidente Prudente, onde a duplicação já foi concluída, a avaliação da CNT destaca um patamar melhor, resultado que já evidencia as melhorias implantadas, conforme nota da Cart. G1

Asfalto 'derrete' devido ao calor em Santo Anastácio

Empresa de recapeamento deve regularizar as vias em até 20 dias. Situação causa danos a população e se torna alvo de reclamações

As ruas de Santo Anastácio foram recapeadas recentemente, no entanto o serviço deixou a desejar. Apelidada pelos moradores como “asfalto chiclete”, o piche derretido faz com que as vias fiquem em movimento devido o calor. O fator causa danos aos munícipes e se torna alvo de diversas reclamações.

A dona de casa Marisa Jesualdo pode observar o problema pela porta de casa. Ela contou que as camadas de alfalto começaram a derretar, se soltar e formar buracos. “Um mês e meio depois empresa veio, fez o concerto dos buracos e jogou areia lavada. Só que não resolveu”, disse. Ela ainda acrescentou que a via tem muita movimentação de caminhões e que o "asfalto não é compatível para o que a gente precisa”.

Moradores do município registraram em imagens a situação que o asfalto fica quando o movimento de veículos aumenta. Também é observado que para deixar o o piche mais firme, a prefeitura tem jogado areia fina nas ruas. Como é o caso do cruzamento das ruas João Ravazzi e Helena Mendes, por exemplo.

Na localidade, o asfalto se transforma em líquido por conta do sol forte e o calor. Desta forma, o piche gruda nos sapatos e pneus, sendo levado para todos os cantos. Na casa de Simone Paiva, por exemplo, o piso fica repleto de sujeira que é levada pelo carro. “Vou esperar a resolução do problema no asfalto lá fora para depois limpar, porque não adianta eu ficar gastando com o piso que é novo se não arrumam lá fora”.

E por conta do derretimento, as ruas de Santo Anastácio receberam o apelido de “asfalto chiclete”, pois “se você atravessar a rua, perde o chinelo, porque cola mesmo”. explicou a dona de casa Rose Galiardo.

A prefeitura afirmou que já fez uma avaliação técnica do asfalto e que a empresa responsável pelo serviço deve refazer o recapeamento. De acordo com o secretário de obras, Carlos Ortega, a empresa ainda não foi paga, mas já recebeu notificação devido a qualidade do asfalto. Ela tem o prazo de 20 dias para recomeçar as obras. “Caso seja necessário vai ser removida toda a camada que ficou de má qualidade, para que seja feita uma nova camada”, afirmou. G1

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Presidente Venceslau, Estado de São Paulo, Brazil
email: jornalintegracao@terra.com.br