terça-feira, 24 de outubro de 2017

Vereador de Santa Mercedes é encontrado morto

Corpo do vereador Chole foi encontrado na manhã desta terça-feira (24)
 (Foto: Ermenson Rodrigues/Blog Panorama Notícia/Cedida)

Sebastião Alves de Almeida, conhecido como Chole, será 
velado na Casa de Leis (Foto: Reprodução/Câmara Municipal
 de Santa Mercedes)
O vereador de Santa MercedesSebastião Alves de Almeida (PSDB) foi encontrado morto no pátio da Estação Elevatória de Esgotos da cidade na manhã desta terça-feira (24), onde prestava serviços para a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp). O caso foi registrado na Polícia Civil como morte suspeita e um inquérito será instaurado para que a causa do óbito seja esclarecida.

De acordo com a Polícia Civil, um funcionário público da Prefeitura Municipal quem encontrou o corpo de vereador, conhecido como Chole da Sabesp, e acionou a Polícia Militar por volta das 10h. Ele estava ao solo na unidade da Companhia que fica na zona rural da cidade e não apresentava sinais vitais.

A perícia foi acionada ao local e o corpo encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Dracena, onde passou por exames que deverão verificar se a morte foi ou não natural.

Despedida
O velório do vereador será realizado no prédio da Câmara Municipal de Santa Mercedes, conforme informou ao G1 a presidente da Casa de Leis, Rosângela Vieira da Cunha (PSD). A previsão é de que o início seja às 19h desta terça-feira (24). Já o sepultamento está previsto para as 13h desta quarta-feira (25), no Cemitério Municipal de Santa Mercedes.

Rosângela contou ao G1 que Almeida era casado, não tinha filhos e trabalhava para a Sabesp mesmo aposentado.

Almeida entrou na Câmara Municipal em 2012 e atuava em seu segundo mandato. “Ele era um vereador atuante e participativo com os colegas da Câmara e com a população”, comentou a presidente. “Também era muito querido e conhecido como ‘Chole da Sabesp’”, acrescentou.

Por meio de nota, a Sabesp lamentou o falecimento do empregado Sebastião Alves de Almeida ocorrido nesta terça-feira (24) no pátio da Estação Elevatória de Esgotos em Santa Mercedes. “A causa da morte está sendo investigada e a companhia presta toda a assistência necessária à família”, declarou.

G1 Prudente

Scalon Presentes


Fazendas em Aquidauana e Dourados estão na "lista suja" do trabalho escravo

Foto: Região News
Duas fazendas de Mato Grosso do Sul estão no cadastro de empregadores que tenham submetido pessoas ao trabalho análogo ao escravo, chamada de "lista suja". De acordo com a publicação, são dez vítimas no Estado.

A lista foi divulgada pelo Fantástico, da TV Globo, na noite de domingo (22). O documento aponta que diligências do Ministério do Trabalho (MTE) flagraram seis pessoas submetidas ao trabalho escravo na fazenda São Luís, localizada em Aquidauana, e outras quatro na fazenda Santo Antônio, em Dourados.

No primeiro caso, o empregador é Edvaldo Zagatto. O MTE identificou o crime em 2016. A propriedade não estava na primeira lista suja divulgada este ano, em março.

Já a fazenda Santo Antônio estava na relação anterior. A empregadora é a Prestadora de Serviços e Comércio de Madeiras Benites, cuja irregularidade foi flagrada em 2014.

A nova atualização da lista suja contém 131 nomes. A relação de março deste ano trazia 82 empregadores.
A lista suja divulgada agora é a primeira desde a publicação da portaria que estabeleceu novas regras para a caracterização de trabalho análogo ao escravo, na segunda-feira (16). Segundo a norma, para que seja considerada jornada exaustiva ou condição degradante, é necessário que haja a privação do direito de ir e vir - o que no Código Penal não é obrigatório.

Pela definição do código, submeter alguém a atividade análoga ao escravo é submeter a trabalho forçado ou jornada exaustiva, sujeitando o trabalhador a condições degradantes ou restringindo, por qualquer meio, sua locomoção em razão de dívida contraída.

Da Hora Bataguassu

Quitanda do Mário


Marco Pilla deixa a direção da Fundação Itesp

                          Marco Pilla ocupou cargo desde 2010
Foi publicada, em 21 de outubro, no Diário Oficial do Estado, a exoneração do diretor executivo da Fundação Itesp, Marco Pilla. Em seu lugar assumiu na segunda-feira Gabriel Veiga, que ocupava o cargo de diretor-adjunto de Recursos Fundiários.

Em maio de 2010, o então governador de São Paulo, Alberto Goldman, que assumiu o lugar de José Serra, nomeou Marco Pilla como diretor executivo da Fundação Itesp. Desde o início do governo Alckmin, ele foi reconduzido ao posto três vezes.

Natural de Andradina, Pilla é bacharel em Direito e técnico em Agropecuária. Desde 1995, é servidor da fundação. À frente da instituição, trabalhou na construção de cinco leis estaduais: nº 14.591/2011 (instituiu o PPAIS); nº 14.750/2012 (regulariza áreas devolutas de até 15 módulos fiscais no Pontal do Paranapanema); nº 16.115/2016 (atualizou a Lei nº 4.957/1985, que trata dos assentamentos estaduais); nº 16.475/2017, (regulariza áreas de até 15 módulos fiscais em terras devolutas estaduais no Vale do Ribeira e no Alto Vale); e nº 16.514/2017 (alterou o artigo 9º da Lei n° 4.925/1985). Também foi aprovado o PPAIS Leite, por meio do Decreto n° 62.282/2016, e enviado ao Senado o Projeto de Lei nº 368/2013, que cria novos instrumentos jurídicos para a regularização fundiária rural de interesse social em todo o território nacional.

De acordo com Pilla, a atuação do governador Geraldo Alckmin possibilitou a aprovação das cinco leis e a implantação de políticas públicas fundamentais para melhorar a qualidade de vida de assentados e quilombolas e dos moradores dos municípios paulistas. "Desde 2011, o Governo do Estado arrecadou novas áreas para implantação de assentamentos. Reconheceu novas comunidades quilombolas. Entregou mais de 12 mil títulos de propriedade urbanos, que levaram segurança jurídica e paz social aos moradores do interior de São Paulo. O governo paulista investiu também na infraestrutura do Itesp, por meio da renovação da frota, contratação de novos servidores, reforma dos escritórios e da sede, compra de mobiliários e equipamentos novos, melhoria do parque tecnológico, manutenção do plano de saúde, entre outros. Tudo isso só foi possível porque contou com o apoio do governador Geraldo Alckmin, um gestor competente, íntegro, trabalhador e que fortaleceu a política agrária e fundiária paulista. Alckmin com certeza fará um trabalho de excelência no Brasil", afirmou.

Pilla agradeceu o empenho e a dedicação do corpo técnico e dos dirigentes do Itesp na construção das cinco leis e na execução das políticas, que contribuíram para potencializar as ações agrária e fundiária paulistas. "Desde 2010, quatro secretários da Justiça e da Defesa da Cidadania apoiaram as atividades do Itesp. O atual, Márcio Fernando Elias Rosa, ex-procurador-geral de Justiça do Estado, colaborou com a construção de novas legislações para avançar e destravar a regularização fundiária rural e aumentar a regularização fundiária urbana nas cidades paulistas", completou.

Assessoria de Imprensa Itesp

Motociclista morre após colisão com caminhonete na BR-267 em Bataguassu




Fotos: Tiago Apolinário 
Um grave acidente na noite desta segunda-feira (23) tirou a vida de um motociclista na rodovia BR-267, entre Bataguassu e o Distrito de Nova Porto XV. 

O acidente ocorreu por volta das 22h30, na altura do KM-17 da rodovia BR-267, quando por motivos desconhecidos um motociclista que trafegava em direção a Nova Porto XV, em uma motocicleta Honda CG Fan, placas de Bataguassu, acabou invadindo a pista contrária e colidindo violentamente contra uma GM/Silverado, placas também de Bataguassu, conduzida por um homem de 49 anos. 

Por conta da violência do impacto, o motociclista que ainda não teve sua identidade revelada, acabou vindo a óbito no local do acidente. 

O condutor da caminhonete contou a reportagem do Da Hora Bataguassu, que seguiam vários outros veículo a sua frente, quando por motivos desconhecidos o motociclista invadiu a pista contrária, não dando tempo dele parar o veículo e evitar a colisão. 

Uma equipe do Corpo de Bombeiros de Bataguassu chegou a ser acionada, porém quando chegaram ao local, o homem já estava sem vida. Policiais Rodoviários Federais realizaram o isolamento e sinalização da rodovia, até a chegada de uma Equipe do Núcleo de Pericias da cidade de Nova Andradina e também de uma equipe da Policia Civil de Bataguassu. 

SEM SINALIZAÇÃO 
No trecho em que aconteceu o acidente, a rodovia sem encontra sem nenhum tipo de sinalização no solo, o que acaba gerando uma grande desorientação aos usuários que precisam trafegar durante a noite. A falta de sinalização se da por conta da pista estar recebendo uma nova camada asfáltica, porém um longo trecho já se encontra recuperado, mais sem nenhum tipo de sinalização de solo, o que gera uma grande insegurança aos motoristas, principalmente os que trafegam pela rodovia durante a noite. 

NO MESMO LOCAL 
Na noite do último dia 8 de outubro, um grave acidente também ocorreu no mesmo local, quando por motivos desconhecidos, o condutor de um Ford/Escort, que trafegava em direção ao distrito de Nova Porto XV, veio a invadir a pista contrária e colidir com uma carreta carregada com tinta, que seguia na pista contrária. 

Da Hora Bataguassu

LFG Preparação que transforma


Radio Taissô comemora 35 anos em Presidente Venceslau


“Rádio Taissô” é Ginástica Rítmica Japonesa



Comemoração foi no último domingo (22) (Fotos: A.I. PMPV)
Foi realizado neste domingo, dia 22, no período da manhã, a comemoração de aniversário de 35 anos do Radio Taissô, em Presidente Venceslau. O evento foi no salão social e na quadra da Area (Associação Recreativa e Agrícola) e contou com a presença dos praticantes da ginástica de Presidente Venceslau, Martinópolis e São Paulo. A secretária de Saúde, Suzi Bonifácio, esteve representando o prefeito Jorge Duran.

“Rádio Taissô” é Ginástica Rítmica Japonesa. “Taissô”, em português, significa “Ginástica”, portanto “Rádio Taissô” é a Ginástica transmitida através do rádio. O “Rádio Taissô” é uma ginástica que pode ser praticada por qualquer pessoa, em qualquer hora e em qualquer lugar, principalmente por pessoas da terceira idade.

É bastante aconselhável para executivos e operários que trabalham continuamente na mesma posição, acarretando má circulação. Com a prática de “Rádio Taissô”, pode-se evitar dores nas costas, pescoço, lombares, dores reumáticas, dor de cabeça, tendinite e mal estar. O “Rádio Taissô” desenvolve o funcionamento do cérebro, porque ativa a circulação sangüínea. As pessoas ficam mais dispostas e alegres porque ele relaxa os músculos e as articulações ósseas de todo o corpo.

A grande homenageada do dia foi Mitiê Hamada. Prestes a completar 90 anos de idade, ela foi a idealizadora e comanda as aulas da ginástica em Presidente Venceslau há 35 anos. Todas as segundas, quartas e sextas a partir das 06h30 da manhã, faça chuva ou faça sol, ela está na quadra da Area dando aula para aproximadamente 40 alunos.

“Faz 35 anos que a história começou e é com muito orgulho que todas as semanas ligamos o nosso som e fazemos nossa ginástica. O Radio Taissô ajuda nas articulações e deixa as pessoas mais dispostas para o dia a dia”, disse a instrutora Mitiê.

A.I. PMPV

Colégio São Paulo


Fiscalização apreende aves silvestres dentro de veículo em Rosana






Aves silvestres seriam vendidas na cidade de São Paulo (SP)
 (Fotos: Polícia Militar Rodoviária/Divulgação)
Uma fiscalização da Polícia Militar Rodoviária apreendeu 60 aves silvestres nesta segunda-feira (23), em uma estrada de acesso à Rodovia Arlindo Béttio (SP-613), em Rosana. Os pássaros, entre papagaios, corujas, gaviões e carcarás, estavam dentro de um veículo que foi abordado pela corporação. Os dois homens responsáveis pelo transporte dos animais foram multados em R$ 420 mil por infrações ambientais.

Após a abordagem, os policiais realizaram vistoria no Fiat Palio Fire, com placas de São Paulo (SP), e encontraram caixas de papelão no banco traseiro com 14 filhotes de coruja, gavião e carcará. Ainda foram localizados 46 filhotes de papagaio que estavam no porta-malas do carro, segundo a polícia.

O motorista alegou que seria pago para realizar o transporte das aves até a cidade de São Paulo (SP), onde as mesmas seriam vendidas. A ocorrência foi registrada na Delegacia da Polícia Civil, em Rosana, e o motorista foi indiciado por crime ambiental, de acordo com a polícia.

As aves, identificadas como 46 papagaios-verdadeiros, sete gaviões, duas corujas-da-igreja, duas corujas-buraqueiras e três carcarás, foram entregues à Polícia Militar Ambiental, em Rosana, para a destinação adequada.

O motorista do carro e o passageiro que seguia com ele foram liberados após a elaboração da ocorrência, ainda conforme a polícia.

Multas
O apoio da Polícia Militar Ambiental foi solicitado para a aplicação das medidas administrativas.

Como os envolvidos não tinham autorização para o transporte e a manutenção das aves, foram lavrados para cada um dois autos de infração ambiental. Um foi no valor de R$ 30 mil pelo transporte de animais da fauna silvestre sem a devida permissão. Já o outro foi no valor de R$ 180 mil pela prática de maus-tratos, uma vez que as aves estavam sendo transportadas em compartimentos sem ventilação, sem espaço adequado e alimentação insuficiente. Ao todo, as autuações chegaram a R$ 420 mil.

Além das aves, o veículo também ficou apreendido na Base Operacional de Rosana.

As aves apreendidas foram destinadas à Associação Protetora dos Animais Silvestres (Apass), em Assis (SP), onde passarão por cuidados veterinários e, tão logo tenham condições, serão reintroduzidas ao seu habitat natural.

G1 Prudente

Martins & Marinelli Agronomia


Prefeito Duran vistoria ruas que foram pavimentadas em Venceslau

Secretários e Duran vistoriam rua

Rua do Jardim Morada do Sol 

Pavimentação na rua Djalma Dutra

Pavimentação na rua Djalma Dutra

Pavimentação na rua Prudente de Moraes (Fotos: A.I. PMPV)
O prefeito Jorge Duran visitou na última sexta-feira, dia 20, as ruas que foram pavimentadas e recapeadas em Presidente Venceslau. Dessa vez, ele esteve na Rua Assembleia de Deus, no bairro Morada do Sol e no centro da cidade.

Acompanhado dos secretários Dilson Leite (Obras), Zinho Rachopi (Assistência Social) e Élcio Júnior (Gabinete), o prefeito foi verificar a pavimentação asfáltica das ruas Assembleia de Deus, Joaquim Silva e João de Almeida, todas localizadas no bairro Morada do Sol.

No total, foram pavimentadas oito ruas de quatro bairros. Serão investidos R$ 443 mil, dinheiro proveniente de uma emenda parlamentar do deputado federal, Fausto Pinato (PP).

Em seguida, Duran vistoriou o recapeamento sobre pedras das ruas Prudente de Moraes e Djalma Dutra, no centro da cidade. O dinheiro é oriundo de uma emenda parlamentar de R$ 250 mil do deputado federal, Paulo Freire (PR). Essa obra deixou o eixo central de Presidente Venceslau sem as antigas pedras, ou seja, totalmente com recapeamento asfáltico, melhorando o conforto e a segurança dos motoristas da cidade.

A empresa responsável pela obra concluiu o recapeamento das ruas Siqueira Campos, General Osório, Floriano Peixoto, Campos Salles, Prudente de Moraes e Djalma Dutra. Todas entre as avenidas Princesa Isabel e Dom Pedro II.

“Eu sei que ainda existe muito a ser feito, mas disposição e vontade não nos faltam para correr atrás e trazer mais melhorias para Presidente Venceslau. Fico muito feliz com todas essas obras, mas vamos atrás de mais recursos e emendas”, concluiu Duran.

A.I. PMPV

segunda-feira, 23 de outubro de 2017

Charge do dia


Sicredi - Quem coopera cresce


Adolescente é flagrado com drogas em Venceslau

(Foto: Divulgação/Polícia)
Na tarde do último sábado (21) por volta das 15 horas policiais militares do Programa de Força Tática do 42º BPM/I apreenderam um adolescente em flagrante delito por tráfico de drogas em Presidente Venceslau.

Durante apoio a ocorrência em andamento pela rua Ana de Jesus Branquinho, os patrulheiros suspeitaram das atitudes do rapaz. Ao perceber a presença dos Policiais Militares o adolescente tentou se desfazer de 27 porções de “crack” e evadiu-se pulando os muros de várias residências.

A interceptação foi realizada momentos após, em uma casa da rua Manoel Malizia, onde foram localizadas mais quatro porções de maconha, sendo assim foi conduzido ao Plantão de Polícia Judiciária para adoção das medidas legais, permanecendo à disposição da Justiça.

Portal Bueno

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Presidente Venceslau, Estado de São Paulo, Brazil
email: jornalintegracao@terra.com.br