segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Santa Casa de Presidente Venceslau reabre UTI credenciada pelo SUS

Everton (chefe de enfermagem) Sandra Lucanchuc (auxiliar)
Reginaldo (provedor) e Júlio Cezar (enfermeiro)
(Foto: A.I Santa Casa)
Após dois anos e meio fechada, a Unidade de Tratamento Intensiva (UTI) da Santa Casa de Presidente Venceslau voltou a funcionar no último dia 09 de janeiro. A medida foi tomada pelo novo provedor do hospital, Reginaldo Beraldo, e busca oferecer uma melhor condição de atendimento para os usuários da unidade de saúde.

Inaugurada em janeiro de 2014, a nova UTI possui estrutura moderna com seis leitos e está bem equipada para suprir as necessidades de pacientes. A unidade chegou a funcionar por cerca de seis meses no ano de sua inauguração, mas devido ao alto custo de manutenção, deixou de atender em meados de junho de 2014.

A retomada do atendimento neste ano faz parte do planejamento de ações elaborado pelo provedor Reginaldo Beraldo e sua equipe. “A volta do atendimento da UTI era uma de nossas metas para este primeiro ano de minha gestão frente a Santa Casa, e conseguimos graças ao trabalho de readequação estrutural que temos feito em conjunto com a diretoria executiva do hospital”, disse Reginaldo.

A UTI conseguiu o credenciamento junto ao Sistema Único de Saúde (SUS) do Governo Federal para funcionar como UTI Adulto Tipo II e recebe cerca de R$ 33 mil reais mensais do Ministério da Saúde para auxiliar o custeio que chega em torno de R$ 150 mil reais por mês. “Temos uma estrutura de profissionais com equipe médica e de enfermagem para prestar toda assistência necessária aos pacientes”, afirmou Reginaldo. O trabalho é supervisionado pelo médico José Sebastião de Andrade Junior.

Com pouco mais de 15 em funcionamento a administração do hospital já percebe a diferença na qualidade do atendimento prestado aos pacientes. “A UTI em atividade é um forte aliado para salvar vidas. Já tivemos nesses dias registro de paciente que passou pela unidade e teve a saúde recuperada com o trabalho feito em nossa UTI”, destaca Murilo Cesar, Superintendente da Santa Casa.

O provedor Reginaldo Beraldo destaca que a equipe médica que atua na Santa Casa comemorou o funcionamento da UTI. “Os médicos passam a ter maior segurança no tratamento oferecido na Santa Casa, porque sabem que se o paciente tiver a necessidade, pode contar com a UTI sem precisar aguardar vagas em outras cidades.”

O enfermeiro chefe da unidade, Everton Luiz Bezerra Santana, 35, atua na UTI. Na tarde desta sexta-feira (27) haviam quatro pacientes em tratamento no local. “São pessoas que seriam transferidas para outras cidades em busca de vagas em UTI, e hoje são atendidas aqui mesmo com toda estrutura necessária para casos de infarto, AVC e outros. Mesmo quando o caso for de transferência, o paciente que chega na emergência recebe um primeiro atendimento aqui para estabilizar o quadro, e esse atendimento é fundamental", afirmou o enfermeiro.

Dados internos da Santa Casa apontam que nos seis meses em que a UTI funcionou em 2014, houve redução de 50% na taxa de mortalidade no hospital em relação ao mesmo período de 2013.

Ampliação
O provedor Reginaldo Beraldo já solicitou que a equipe técnica da Santa Casa elabore um projeto emergencial para a ampliação dos leitos da UTI de seis para 10. “No contato que tive em dezembro passado com o deputado federal Major Olímpio, ele assumiu o compromisso de enviar recursos de emenda para que possamos fazer essa ampliação que será muito importante para a dinâmica do funcionamento da unidade. O deputado vai apresentar o projeto emergencial e deve ter os recursos liberados para a obra ainda neste ano”, destacou Reginaldo Beraldo.  (Fonte: Assessoria de Imprensa da Santa Casa)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Presidente Venceslau, Estado de São Paulo, Brazil
email: jornalintegracao@terra.com.br