sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

MPT inspeciona situação de frigorífico onde vazou amônia

Foto: Tiago Apolinário/Da Hora Bataguass
Frigorífico Marfrig, localizado em Bataguassu - distante 335 km de Campo Grande passou por inspeção do MPT-MS (Ministério Público do Trabalho) e auditores do MPE (Ministério Público Estadual) nesta quinta-feira (16).

Segundo a assessoria de imprensa do MPT, a procuradora do Trabalho, Claudia Fernanda Noriler conduziu a inspeção, realizada para avaliar o atual panorama da unidade, onde no último dia 8 de fevereiro, ocorreu vazamento de amônia e 21 funcionários passaram mal, alguns desmaiaram.

Relatório será elaborado após a inspeção, com previsão de ficar pronto em 30 dias. Também foi pedida abertura de Inquérito Civil para investigar o caso, segundo a assessoria de imprensa do MPT.

Após o incidente, a PMA (Polícia Militar Ambiental) multou o frigorífico em R$ 500 mil por poluição atmosférica. A empresa pode ainda responder por crime ambiental que prevê pena de seis meses a um ano de detenção aos responsáveis, de acordo com a Lei 9.605/98 artigo 54.

Acidente - Rompimento de uma válvula do tanque de amônia, localizado no setor da desossa da unidade, causou o vazamento do gás, pouco antes das 13h do dia 8, deixando 21 funcionários feridos.

No dia do acidente, a Santa Casal municipal informou que não houve nenhum caso grave, mas todos os funcionários inalaram o gás.  (Fonte: Campo Grande News)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Presidente Venceslau, Estado de São Paulo, Brazil
email: jornalintegracao@terra.com.br