quinta-feira, 25 de maio de 2017

Fiscalização aborda pescadores no Rio Paraná e apreende barco e redes usados sem permissão

Barco foi apreendido pela Polícia Militar Ambiental em Paulicéia
 (Foto: Cedida/Polícia Militar Ambiental)

Redes foram apreendidas pela Polícia Militar Ambiental em Paulicéia
 (Foto: Cedida/Polícia Militar Ambiental)

Fiscalização foi realizada na manhã desta quinta-feira (25) em Paulicéia
 (Foto: Cedida/Polícia Militar Ambiental)
A Polícia Militar Ambiental apreendeu na manhã desta quinta-feira (25), em Paulicéia, um barco, redes e petrechos que eram usados irregularmente por dois pescadores amadores no Rio Paraná.

De acordo com a corporação, os pescadores foram abordados pelo patrulhamento ambiental aquático nas proximidades de uma lagoa. A fiscalização constatou que os homens realizavam a pesca com uso de redes de emalhar, petrechos não permitidos para pescadores amadores.

Eles utilizavam, segundo a polícia, uma embarcação de alumínio com remos e a manutenção de uma rede de espera de nylon, medindo aproximadamente 50 metros de comprimento por 1,5 metro de altura, com malhas de 140 milímetros entre ângulos opostos, com boias e chumbadas embutidas, em mau estado de conservação.

Os materiais, barco e redes foram apreendidos e levados à Base Operacional de Panorama, onde permaneceram no aguardo de determinação legal.

No momento da fiscalização, não foi constatada a captura de nenhum peixe.

A polícia lavrou dois autos de infração ambiental contra os pescadores, na modalidade de advertência, por pesca mediante uso de petrecho não permitido, e a ocorrência será encaminhada via ofício à Delegacia da Polícia Civil, em Paulicéia, pois, em tese, infringiram o artigo 34, parágrafo único, da lei nº 9.605/98. (G1 Prudente)



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Presidente Venceslau, Estado de São Paulo, Brazil
email: jornalintegracao@terra.com.br