quarta-feira, 3 de maio de 2017

Venceslau não registra homicídios dolosos no primeiro trimestre de 2017

Nos três primeiros meses deste ano, as delegacias de Presidente Venceslau (SP) não registraram nenhum caso de homicídio doloso, quando há a intenção de matar. Os dados são da secretaria de Segurança Pública (SSP) e foram atualizados nesta terça-feira (25).

Em comparação com o mesmo período de 2016, a situação não se alterou. Nos meses de janeiro, fevereiro e março do ano passado nenhuma ocorrência desta natureza foi registrada. No entanto, o período teve um caso de tentativa de homicídio, enquanto que neste ano nenhuma tentativa foi registrada.

O primeiro trimestre de 2017 também terminou com redução nos casos de furto. Em 2016, o período registrou 72 ocorrências desta natureza, 14 a mais que em 2017. Nos casos específicos de furto a veículos, os primeiros três meses do ano passado também registraram mais casos: quatro contra dois registros neste ano.

Os dados também mostram que o número de casos de estupro diminuiu em relação ao que foi registrado em 2016. Neste ano, três casos aconteceram, sendo todos eles descritos como estupro de vulnerável. Já no primeiro trimestre do ano passado, cinco casos foram computados.

Epitácio
Em Presidente Epitácio (SP), nenhum caso de homicídio doloso foi registrado no primeiro trimestre de 2017. No entanto, dois casos de homicídio culposo por acidente de trânsito foram registrados no período. Em 2016, os números de homicídio doloso e homicídio culposo por acidente de trânsito foram iguais aos de 2017.

Ainda considerando os três primeiros meses de 2017, um caso de tentativa de homicídio foi registrado, bem como 53 casos de lesão corporal dolosa (quando há a intenção). No mesmo período de 2016, a Polícia também registrou um caso de tentativa de homicídio, além de 48 casos de lesão corporal dolosa – cinco a menos que neste ano.

Caiuá
O município de Caiuá (SP) registrou um aumento nos casos de homicídio no período. No primeiro trimestre de 2017, dois casos já foram registrados, enquanto que em 2016 nenhum crime desta natureza foi contabilizado. Também foi registrada uma ocorrência de homicídio culposo por acidente de trânsito no período, contra nenhum no mesmo trimestre de 2016.

A polícia local também registrou mais casos de furto em 2017. No primeiro trimestre deste ano seis ocorrências foram contabilizadas, enquanto que o mesmo período de 2016 teve três casos.

Piquerobi
Em Piquerobi (SP), foram registrados um caso de homicídio doloso, um caso de roubo e três casos de lesão corporal dolosa no primeiro trimestre de 2017. Já nos três primeiros meses do ano passado nenhum caso de homicídio doloso ou de roubo ocorreu, mas os casos de lesão corporal dolosa foram maiores: oito casos.

Nos primeiros meses deste ano, casos de tentativa de homicídio, estupro e homicídio culposo por acidente de trânsito não foram registrados. ( Da redação)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Presidente Venceslau, Estado de São Paulo, Brazil
email: jornalintegracao@terra.com.br