sexta-feira, 23 de junho de 2017

Banco Sicredi


Evento acontece em frente à Casa do Artesão e Praça da Matriz de 
São Pedro (Foto: Cedida / A.I)
Neste final de semana, nos dias 23, 24 e 25 de junho, acontecerão as últimas programações do “Arraial da Casa Junina” em Presidente Epitácio (SP). O evento, promovido pela prefeitura e Câmara dos Vereadores, foi idealizado com o objetivo de resgatar a tradição dos festejos juninos na cidade.

O Arraial é realizado em frente à Casa do Artesão e Praça da Matriz de São Pedro, das 19h às 22h, com entrada gratuita. No local, haverá apresentação de viola caipira do sindicato patronal rural, além da apresentação de escolas e entidades municipais.

Amanhã (24), haverá a apresentação da Fanfarra Marina Amarante e do projeto Fábulas e balé com repertório nordestino. No domingo, haverá apresentação de dança da Escola Estadual 18 de Junho (sertanejo universitário). Todas as apresentações estão previstas para as 20h30.

No espaço junino, também é oferecido aos visitantes pratos e bebidas típicas da época, tais como pamonha, bolo de milho, canjica, arroz doce, amendoim, pipoca, compota de doce, quentão, entre outros, além de artesanato e espaço cenográfico produzido com elementos simbólicos, como figuras religiosas, fogueira, balões e bandeirolas.

Iniciado no dia 9 de junho, a proposta da administração foi promover, durante todos os fins de semana do mês, uma opção de entretenimento para os cidadãos e visitantes em resgate a cultura popular, com incentivo à economia e ao turismo local, através da exposição de artesãos e a Feira de Produtores da Agricultura Familiar.

O evento é realizado em parceria o Sindicato Patronal Rural do município, o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e a Fundação Instituto de Terras do Estado de São Paulo (Itesp).

( A.I.)

Martins & Marinelli Agronomia


Implantação de passarela de acesso à Campus II da Unoeste segue em andamento

Estrutura metálica irá beneficiar estudantes e comunidade local
As obras para a implantação da passarela no trecho urbano da SP-270 Rodovia Raposo Tavares em Presidente Prudente seguem em andamento no km 571+600, na altura do Campus II da Unoeste.

A CART - Concessionária Auto Raposo Tavares já realizou serviços de concretagem, colocação de chumbadores - implantados na área para receber a estrutura metálica da passarela - instalação de alicerces, execução de fundação e implantação de placas de segurança. Esta semana, as equipes realizam a montagem da estrutura metálica e as adequações de pisos e rampas de acesso.

As obras para a construção da passarela tiveram início no dia 3 de abril com a mobilização de canteiro de obras e movimentação das equipes. A estrutura será instalada no quilômetro 571+600 da SP-270, na altura do Campus II da Unoeste (Universidade do Oeste Paulista) beneficiando a vida de estudantes e das comunidades prudentinas, especialmente os bairros adjacentes à rodovia. 

Para implantar a passarela, a Concessionária realizou avaliações técnicas no trecho e melhorias a fim de preservar a integridade dos usuários. A estrutura irá proporcionar acessibilidade no local, além de evitar a travessia irregular de pedestres pelo canteiro central da rodovia - evitando o risco de acidentes - e a constante depredação da estrutura metálica do alambrado que hoje existe entre as pistas. 

Mais atenção
O trecho em obras exige mais atenção dos motoristas. Nessa fase em que os serviços estão em execução, a Concessionária orienta aos motoristas que tenham paciência, mantenham a distância de segurança do veículo à frente, reduzam a velocidade e sigam as instruções da sinalização. Acreditar na sinalização e respeitá-la é o principal mandamento ao volante: a sinalização é resultado de profundo estudo técnico de engenharia e visa segurança e redução de acidentes.

Redução de acidentes
Desde que passou a administrar o Corredor Raposo Tavares, a CART trabalha para proporcionar mais segurança, conforto e modernidade aos motoristas e comunidades do trecho, entre Presidente Epitácio e Bauru. As transformações estão relacionadas à duplicação das rodovias, implantação de dispositivos de acesso e retorno, melhorias no pavimento asfáltico, reforço na sinalização, serviços de capina e roçada, retirada de lixo, limpeza de placas de sinalização, além de outros benefícios que visam o bem-estar do usuário.

Além disso, a CART reforça seu compromisso com a segurança ao integrar o Pacto Nacional para Redução de Acidentes de Trânsito, que visa reduzir em 50%, o número de vítimas de acidentes de trânsito no Brasil, até 2020. As melhorias no trecho urbano de Presidente Prudente estão vinculadas também à implementação do PRA - Programa de Redução de Acidentes realizado pela Concessionária. Desta forma, a preocupação com a segurança de seus usuários é uma constante no trabalho da empresa.

(A.I CART)

LFG Preparação que transforma


Polícia incinera mais de 26 quilos de drogas apreendidas em Dracena

A Polícia Civil realizou, nesta quinta-feira (22), a incineração de mais de 26 quilos de drogas que foram apreendidas no município de Dracena na últimas semanas.

A substância de maior volume incinerada foi a cocaína, em sua forma sólida (crack) e em pó (cloridrato de cocaína). Para a eliminação da droga, foi utilizado o forno existente nas dependências de uma empresa no ramo de cerâmica, na cidade de Ouro Verde.

A incineração foi realizada com autorização Judicial e contou com a presença de policiais civis e os representantes do Ministério Público Estadual (MPE) e da Vigilância Sanitária Municipal.

(Portal Bueno)

Colégio São Paulo


Em SP, Duran busca recursos para a saúde e universidade com educação a distância

Duran com o diretor da UNIVESP, Ricardo Bocalon,
e o secretário do SEAAMA, Rodolfo Seddig
O prefeito Jorge Duran cumpriu mais uma dia de agenda em São Paulo nesta quinta-feira, dia 22 de junho. Primeiro o prefeito esteve no Desenvolve SP - Agência de Desenvolvimento Paulista e em seguida na UNIVESP.

Jorge Duran e os prefeitos Miguel Duarte (Marabá Paulista), Dudu (Piquerobi) e Cássia Furlan (Pres. Epitácio) estiveram no Desenvolve SP - Agência de Desenvolvimento Paulista, discutindo alternativas de financiamentos para a compra de ambulâncias, com o objetivo de melhorar o atendimento prestado aos usuários do SUS (Sistema Único de Saúde). “Estamos com novos projetos em andamento na área da saúde e precisamos de novas ambulâncias e até mesmo de veículos maiores que atendam as necessidades dos nossos pacientes, e para isso fomos atrás de financiamentos.”, disse Duran. 

A Desenvolve SP – Agência de Desenvolvimento Paulista é uma instituição financeira do governo do Estado de São Paulo que promove, desde 2009, o desenvolvimento sustentável do Estado por meio de operações de crédito consciente e de longo prazo.

Em seguida, ao lado do secretário de Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente de Presidente Venceslau, Rodolfo Seddig, o prefeito foi recebido pelo diretor da UNIVESP, Ricardo Bocalon. A UNIVESP é uma universidade pública exclusivamente voltada para a Educação a Distância (EAD) e conta em seus quadros com professores da USP, UNICAMP e UNESP. "Fomos muito bem recebidos e nosso objetivo é implantar um pólo desta instituição em Venceslau, inicialmente com os cursos de Engenharia de Produção, Engenharia da Computação, Matemática e Pedagogia. Estamos confiantes e agradeço o apoio que recebemos do deputado federal Fausto Pinato e do deputado estadual Ed Thomas”, concluiu Duran.

(A.I.)

Liane Veículos


Homem que matou jovem em Rancharia é condenado a quase 30 anos de prisão

Julgamento aconteceu no Fórum de Rancharia nesta quinta-feira (22)
 (Foto: Raouf Gharib/Cedida)

Julgamento aconteceu no Fórum de Rancharia nesta quinta-feira (22)
 (Foto: Raouf Gharib/Cedida)

Daniela Bezerra Vieira da Silva, de 22 anos, foi encontrada morta, 
em Rancharia (Foto: Reprodução/Facebook)

Réu foi condenado a uma pena de quase 30 anos de prisão
 (Foto: Raouf Gharib/Cedida)

Corpo da jovem foi encontrado em banheiro público em Rancharia
 (Foto: Luís Guilherme Silva Santos/Cedida)
O avicultor Eduardo Ferreira Sandrini, de 34 anos, foi condenado nesta quinta-feira (22) a uma pena de 29 anos e quatros meses de reclusão, em regime inicial fechado, por homicídio duplamente qualificado, com requintes de crueldade e perversidade, pela morte de uma jovem de 22 anos, em janeiro de 2016, em Rancharia. O julgamento foi realizado no Tribunal do Júri, no Fórum da Comarca de Rancharia, e durou quase sete horas.

O juiz Flávio Augusto Reinert dispensou as testemunhas, que eram apenas de referência, e ouviu somente o réu. Houve, ainda, a votação dos jurados que, ao chegar aos quatro votos diretos pela condenação do indivíduo, foi encerrada. O julgamento começou às 9h30, contou com 1h15 de intervalo e terminou às 17h30.

Conforme o advogado da família da vítima, Samir Haddad Júnior, “a família está feliz com a pena”. “Saíram satisfeitos. Não vai trazer a Dani de volta, mas alivia. Estavam ansiosos para o julgamento. Sabiam que [o réu] estava preso, mas queriam a condenação”, salientou ao G1.

Segundo o advogado, Rancharia “mostou que o crime é punido duramente”. “É uma cidade pacata, do bem, e, quando aconteceu isso, a sociedade se mobilizou. O juiz foi justo dando a sentença alta. São 20 anos em que ele não vai atacar mais ninguém. Agradeço ao promotor [Rafaelle de Filippo Filho], que se empenhou, me deu espaço para fazer meu trabalho. Estamos com a sensação de missão cumprida”, salientou ao G1.

Já o advogado de defesa do réu, Agemiro Salmeron, informou ao G1 que, pelo desejo de Eduardo Ferreira Sandrini, recorrerá da decisão e fará um recurso para tentar reduzir a pena. “Achamos que foi alta, mas está dentro do normal”, disse.

O crime
O crime que vitimou Daniela Bezerra Vieira da Silva, então com 22 anos, aconteceu em janeiro de 2016. Ela foi encontrada morta por populares caída atrás de um vaso sanitário em um banheiro público, na Praça Elpídio Marchiani.

Segundo o Corpo de Bombeiros, a jovem foi encontrada em estado rígido, com o rosto inchado e apresentando marcas de agressões.

A Polícia Militar informou que Daniela Bezerra Vieira da Silva trabalhava na tesouraria de uma igreja católica na Vila Tereza, em Rancharia.

Segundo a polícia, a jovem foi encontrada com uma perfuração no pescoço e pequenas marcas de sangue, porém, a corporação trabalhou com a hipótese de estrangulamento.

(G1 Prudente)

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Presidente Venceslau, Estado de São Paulo, Brazil
email: jornalintegracao@terra.com.br